Um poema sobre amor

06 de Abril de 2017
19.338
acessos

Quer seja curto, ou comprido, quer seja fino...

Um poema sobre amor. Quer seja curto, ou comprido, quer seja fino....
Um Poema sobre o amor


Quer seja curto ou comprido

Quer seja fino ou mais grosso

É um órgão muito querido

Por não ter espinhas nem osso


De incalculável valor

Ninguém tem um a mais

E desempenha no amor

Um dos papéis principais


Quando uma dama aparece

Ei-lo a pular com fervor

Se é um rapaz, estremece

Se é velho, tem pouco vigor


O seu nome não é tão feio

Pois tem sete letrinhas só

Tem um R e um A no meio

Começa em C e acaba em O


Nunca se encontra sozinho

Vive sempre acompanhado

Por outros dois orgãozinhos

Junto de si, lado a lado


O nome destes porém

Não gera confusões

Tem sete letras também

Tem L e acaba em ÕES


Prá acabar com o embalo

E com as más impressões

Os órgãos de que eu falo...

São o CORAÇÃO e os PULMÕES.


PENSOU BESTEIRA, NÃO É ???


MENTE SUJA... APROVEITA O INÍCIO DA SEMANA E


VAI REZAR.

Um poema sobre amor
2 votos (1.0 / 5)
Você poderá gostar também...
6 COMENTÁRIOS
ademir
Show de bola!
05 de Mar de 2020 às 04:00
responder
talita mendes
Oiiieeee
05 de Out de 2019 às 17:00
responder
Francisco silva
To mandando pros grupos e zuando a beça kkkkkk
02 de Out de 2017 às 09:00
responder
paty_gata_
Chorey de rir kkkkkkkkk
29 de Set de 2017 às 17:00
responder
Denise Fernandes
kkkkkkkkkkkkkkk
24 de Ago de 2017 às 11:00
responder
Carolina Valle
Zuando geral kkkkkkkkkk
19 de Jun de 2017 às 14:00
responder
DEIXE UM COMENTÁRIO
Tags: poema, amor, duplo, sentido, pensou, pensando, besteira